Atenção pesquisadores: Chamada de capítulos para coletânea que comemora os 100 anos do rádio!

Abaixo a mensagem dos organizadores:
Prezados (as) colegas:
Estamos organizando com Valci Zuculoto, Marcelo Kischinhevsky e Debora Cristina Lopez o livro ( e-book) “100 anos de rádio no Brasil- História em (re)construção”, pelo Grupo Temático (GT) História da Mídia Sonora, Associação Brasileira de Pesquisadores da História da Mídia/ Rede Alfredo de Carvalho (ALCAR). O livro soma-se a outras produções da história deste GT que levam o selo da ALCAR e refletem a trajetória de pesquisa deste Grupo. A proposta é alusiva aos cem anos de história do rádio no Brasil, considerando os diferentes registros e estudos que evidenciam desde a importância do padre-inventor Landell de Moura, as primeiras experiências da Rádio Clube de Pernambuco e a demonstração ocorrida em 1922 durante a Exposição do Centenário da Independência, que culminou com as transmissões regulares da Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, em 1923, até as diferentes configurações que temos hoje da mídia sonora. Para tanto, estamos lançando a chamada para esta publicação e queremos convidá-los (as) a contribuir com capítulos de livro resultantes de pesquisas de campo, documentais e/ou bibliográficas/hemerográficas que tratem acerca da historiografia do rádio no Brasil, da linguagem radiofônica,do mercado, da programação e legislação entre outros aspectos que possam radiografar estes 100 anos de transformações e inovações do rádio. Segue em anexo a chamada para a proposta (resumo expandido) de artigo e o template para formulação do resumo. As propostas podem ser submetidas e enviadas até o dia 15 de março para o e-mail: ebookradio100@gmail.com. As propostas aceitas serão divulgadas até 29 de março e o envio dos trabalhos completos marcado para 31 de maio.

A chamada completa e o template podem ser acessados aqui e aqui.

Unesco comemora o Dia Mundial do Rádio

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura – Unesco celebra hoje, 13 de fevereiro, o Dia Mundial do Rádio  (World Radio Day 2015). O tema deste ano, Juventude e Rádioindica a necessidade de ampliar a participação dos jovens no universo radiofônico como forma de empoderamento e promoção da cidadania, contemplando três eixos essenciais: 1. Rádio para os jovens – dando voz aos jovens e aos temas de seu interesse ; 2. Rádio com os jovens – possibilitando a participação dos jovens nas equipes de produção das emissoras; e 3. Rádio pelos jovens – apoiando iniciativas de protagonismo, nas quais os jovens sejam responsáveis por produzir conteúdo radiofônico para a própria juventude.

A diretora-geral da Unesco Irina Bokova acredita no rádio como espaço de inclusão e diálogo, capaz de gerar mudanças sociais e afirma que “os jovens não são suficientemente representados na mídia – uma exclusão que muitas vezes reflete uma exclusão mais ampla, social, econômica e democrática. Jovens produtores e radiodifusores ainda são raros. São pouquíssimos os programas dedicados ou desenvolvidos por jovens. Esse déficit explica os inúmeros estereótipos sobre os jovens que circulam nos meios de comunicação e nas ondas do rádio. O rádio fornece os meios para a mudança. É um instrumento de coesão, educação e cultura. É uma plataforma para a mudança, em que os jovens podem achar seu lugar e se expressar”. (Leia aqui a mensagem completa)

O tema segurança também acompanha as discussões deste ano, especialmente nas coberturas em zonas de conflito e desastres, nas quais jovens locais e jornalistas se arriscam com pouca ou nenhuma segurança ou apoio das agências e organizações.

Sobre o futuro do rádio destacam-se entre os tópicos de discussão sugeridos pela Unesco os desafios e as oportunidades trazidos pelas novas tecnologias e sua adoção pelos jovens .

Um pouco de história

A data foi escolhida durante a 36ª Conferência Geral da Unesco, realizada em outubro de 2011, em Paris. A proposta, apresentada pela Espanha, partiu da Academia Espanhola de Rádio, com o apoio de diversas instituições. Contudo, somente após um processo de consultas e debates sobre a aprovação e as possíveis datas (entre as quais estava 30 de Outubro, data da transmissão da Guerra dos Mundos por Orson Welles – indicada pelos espanhóis), a diretoria executiva da Unesco proclamou o dia 13 de fevereiro como Dia Mundial do Rádio, dia da criação da Rádio ONU, em 1946. O primeiro Dia Mundial do Rádio foi celebrado em 2012. Acesse o documento oficial da Proclamação do Dia Mundial do Rádio.

Dia Mundial do Rádio

Para mais informações, infográficos, materiais de divulgação e ideias para comemorar a data acesse o site do Dia Mundial do Rádio (em inglês, francês, espanhol, russo, árabe e chinês).

História científica do padre Landell de Moura passa a integrar currículo escolar

A Lei nº 11.734, que deverá entrar em vigor no início do próximo ano letivo, “obriga a inclusão de conteúdo sobre a história científica do padre Roberto Landell de Moura nas disciplinas de história, ciências e língua portuguesa, ministradas nas escolas da rede municipal de ensino” de Porto Alegre (RS).

Lei Landell de Moura

A lei é fruto de um projeto do vereador João Carlos Nedel (PP), aprovado pela Câmara Municipal em 27 de outubro. Sancionada pelo prefeito José Fortunati no dia 8 de dezembro, foi publicada na última sexta-feira (12) no Diário Oficial de Porto Alegre.

O padre Landell de Moura (1861-1928) foi um cientista e inventor brasileiro. Pioneiro das telecomunicações no mundo que, entre outros feitos, desenvolveu experimentos bem-sucedidos com a transmissão da voz humana no final do século XIX. Para saber mais sobre sua vida e obra: Memorial Landell de Moura.