41 anos de luta

No dia 19 de abril passado completei 41 anos de contrato como professor da UFBA. Muitas lutas e muitas alegrias ao longo de todos esse tempo.

Do Instituto de Física, por onde entrei e lá permaneci até 1996, até o dia de hoje, aqui na Faculdade de Educação, muita coisa aconteceu.

Não largo do osso. Estou na luta junto com todos(as) colegas batalhadores que defendem um universidade pública de qualidade para todos.

Hoje, mesmo, minha coluna Ciência e Cultura na Band News FM é sobre exatamente isso. 

Ouça aqui ou baixe o áudio [Download]

Me sinto, hoje, como se estivesse aqui começando, pois as lutas que fazíamos naquela época, nos anos 1980, eram, desde aquele momento, as mesmas lutas em defesa da universidade pública e por mais verbas para a Ciência e Tecnologia.

Aqui na Bahia lutávamos, junto com a SBPC, para a criação de uma Fundação de Apoio a Pesquisa. Conseguimos a FAPESB, mas estamos com um política de C&T no estado que é uma lástima. Aliás, tem sido uma lástima. A FAPESB está praticam ente destruída.  O nosso Museu de Ciência e Tecnologia não existe mais. Foi totalmente destruído também. E os colegas da Universidades Estaduais estão em greve. Triste, muito triste.

Soubemos, em janeiro, que a Profa Adélia Pinheiro, atual Reitora da UESC, seria a nova Secretária de Ciência e Tecnologia do estado da bahia e que tomaria posse em abril. Já estamos quase no fim do mês e… nada!

São 41 anos de luta e de festa!

Ahhh os mais velhos, que estavam em nossas greves da década de 1980, lembram da Festa da Lua, das festas em Belas Artes, do Ocupa Campo Grande! Um pouco dessa história contei em meu penúltimo livro: Uma dobra no tempo: um memorial (quase) acadêmico, editado pela Editus, excelente editora da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). O livro pode ser baixado aqui . E meu querido amigo Laurenio Sombra escreveu uma preciosa resenha do livro aqui.

Muito bem, não posso dizer mais 41 anos pela frente, mas… com alegria teremos alguns muitos anos pela frente e vamos continuar a lutando por um país democrático, justo e com uma educação publica de qualidade.

Vamoquevamo!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


dois + = 10

Arquivos