2016/2017

Recursos Educacionais Abertos: livre acesso à cultura e ao
conhecimento

Resumo:
Esta pesquisa busca compreender como os Recursos Educacionais Abertos (REA), ao potencializarem o livre acesso ao conhecimento, podem contribuir para estabelecer outras perspectivas no campo da educação, principalmente em relação à reorganização dos sistemas escolares e às concepções de currículo. O movimento REA surge a partir do contexto digital, das potencialidades da comunicação em rede, da plasticidade dos conteúdos que aí circulam e da possibilidade/necessidade que o conhecimento chegue a todos de maneira indiscriminada. Esta última característica, garantir livre acesso ao conhecimento, é um de seus princípios fundamentais, estruturado através da colaboração, interatividade, liberdade de usar, melhorar, remixar, distribuir e compartilhar recursos educacionais sem restrições. Essa perspectiva de construção colaborativa e aberta, nos desafia a pensar em outras maneiras de conceber a educação, vislumbrar maneiras mais dinâmicas e intensas de aprender, construir conhecimentos e compartilhá-los. Para tanto, seis frentes de trabalho serão abertas (I- Recursos Educacionais abertos; II- Produção colaborativa de REA; III- Práticas colaborativas de Compartilhamento; IV – Licenças Livres; V- Construção de Commons; VI- Direitos Autorais), todas elas receberão tratamento teórico específico, sendo analisadas dentro de seus próprios movimentos de constituição e consolidação. Cabendo ainda, de maneria transversal, a investigação e análise das políticas públicas pelas quais são atingidas direta ou indiretamente. Buscamos dessa maneira contribuir para a construção de uma visão crítica que extrapole os regimes de cerceamento do conhecimento dado através regimes jurídicos de propriedade que restringem cada vez mais o acesso aos conhecimentos em todas as suas áreas.
Palavras Chave: EDucação, Compartilhamento, Conhecimento
Perí­odo: ago/2016 a jul/2017
Coordenação: Salete de Fátima Noro Cordeiro
Bolsistas PIBIC: Mariana Gama de Paula (UFBA_IC)
 

Os comentários estão encerrados.